12/11/2017 as 11h55 - Atualizado em 12/11/2017 as 11h55

JASC 2017: Edição 57 dos Jogos Abertos de Santa Catarina se encerra com chave de ouro

Edição sediada em Lages



A 57ª edição dos Jogos Abertos de Santa Catarina (Jasc) foi encerrada neste sábado, 11, após 10 dias de competições em 26 modalidades com uma grande festa no superlotado ginásio Jones Minosso. Seis mil pessoas assistiram à cerimônia de encerramento marcada pelas premiações do ouro para Lages no futsal feminino, e para Itajaí, como campeão geral, representada pela equipe de futsal feminino.

A cerimônia, apresentada pelo cronista e comendador do esporte catarinese Roberto Alves, teve início com a execução do hino nacional brasileiro pelos artistas locais Antonio Lugon e Paulo Guazelli, no melhor estilo da Serra, com direito a gaita. Na sequência, o prefeito de Lages, Antonio Ceron, e o secretário de Estado de Turismo, Cultura e Esporte, Leonel Pavan, entregaram a bandeira dos Jogos Abertos ao prefeito de Caçador, Saulo Speroto, que terá a missão de organizar a 58ª edição do maior evento de esporte amador em 2018. Em seguida, a futura sede dos Jasc foi apresentada ao público com imagens em um telão.
O fogo simbólico foi repassado pelo vice-prefeito e presidente da Comissão Central Organizadora (CCO), Juliano Polese, para o superintendente da Fundação Municipal de Esportes de Brusque, Ademir de Souza, que representou a cidade-berço dos Jogos Abertos. Após agradecer a todos que participaram e trabalharam para o sucesso dos maiores Jasc da história, o prefeito de Lages, Antonio Ceron, ressaltou a missão do evento: "No esporte, só perde quem não compete, até porque, no esporte, somos todos vencedores. Parabéns a todos atletas e a Lages por terem abraçado de coração os Jogos Abertos".

O secretário Leonel Pavan, que representou o governador Raimundo Colombo, ressaltou o desafio aceito por Lages para organizar o evento com oito meses de preparação e destacou o resgate da competição. "Aqui tivemos credibilidade e, para muitos que achavam que os Jogos Abertos são coisa do passado, aqui está o exemplo, de que vale a pena investir no esporte amador", disse o secretário de Estado de Turismo, Cultura e Esporte.
Após a premiação do futsal feminino, Pavan fez a entrega de um primeiro troféu, estilizado em forma de pinhão, e do troféu transitório que ficará em Itajaí pelos próximos 30 dias. O superintendente da Fundação Municipal de Itajaí, Julcemar Martinho Ferreira, levantou os troféus ao lado das meninas vice-campeãs do futsal feminino, que também fizeram a festa na quadra do ginásio Jones Minosso.

Veja as Fotos:


Públicado por: Ana Paula