16/12/2017 as 20h19 - Atualizado em 16/12/2017 as 20h19

SC - Operação da polícia civil nos 27 Estados do país prefeitura 99 pessoas

Operação chamada de PC 27



Também foram apreendidos seis adolescentes. Ação é para combate de crimes como furto, roubo, homicídio e tráfico de drogas.

Operação da Polícia Civil prende 99 pessoas acusadas de crime contra o patrimônio

Uma operação da Polícia Civil que ocorre nos 27 estados brasileiros prendeu 99 pessoas em Santa Catarina nesta quinta (14) e sexta-feira (15). Também houve a apreensão de seis adolescentes. A operação, chamada de PC 27, é para combate a crimes como furto, roubo, homicídio, latrocínio e tráfico de drogas.

Além das prisões, houve a apreensão de 10 quilos de drogas, entre crack, maconha e cocaína, e 10 armas. Foram cumpridos 108 mandados de busca e apreensão até a noite desta sexta.

Algumas prisões
Entre as prisões está a de um foragido do sistema prisional suspeito de praticar vários roubos em Palhoça, na Grande Florianópolis. Ele foi preso na quinta após ser feito cerco na casa dele, no bairro Jaqueira, na própria cidade.

Outros cinco homens foram presos em Videira, no Oeste, um deles foragido do sistema prisional. Eles foram detidos logo depois de deixar um estabelecimento comercial no Centro de Fraiburgo, cidade vizinha. Segundo a Polícia Civil, eles escalaram até o segundo andar do local e arrombaram portas e janelas para furtar.

Três mandados de prisão preventiva foram cumpridos na quinta em Araranguá, no Sul, além de 10 de busca e apreensão. Em uma casa, os policiais encontraram cerca de 350 gramas de maconha, uma balança de precisão, uma pistola e dinheiro. Outras duas pessoas foram presas em flagrante.

Na região mais próxima à fronteira, no Oeste, foi preso em Quilombo por furto um foragido da penitenciária de Chapecó, um suspeito em São Domingos por atentado violento ao pudor e em São Lourenço do Oeste um suspeito de furto.

Todas as 30 delegacias regionais do estado, além da Diretoria de Polícia do Litoral (Dpol), Diretoria de Polícia do Interior (Dpoi), Diretoria de Polícia da Grande Florianópolis (DPGF), Diretoria de Polícia de Fronteira (Difron) e Diretoria Estadual de Investigações Criminais (Deic) participam da operação.

G1SC /


Públicado por: Adriane Siqueira