Alimentos arrecadados no Salão do Imóvel são destinados à Fazenda Esperança de Chapecó

8832

Coordenadora do Salão do Imóvel, Bernardete Carraro Finger e o presidente do Sindicato da Habitação do Oeste de Santa Catarina (Secovi-Oeste/SC), Ademir Roque Sander, fizeram a entrega de alimentos arrecadados durante a edição especial do evento, realizada de 27 a 29 de setembro, com o patrocínio da Caixa Econômica Federal, no Centro de Eventos de Chapecó. A instituição escolhida para receber os 450 quilos de alimentos arrecadados foi a Fazenda Esperança Santa Paulina, vinculada a Diocese de Chapecó.

A Fazenda Esperança é uma comunidade terapêutica que abriga jovens acima de 18 anos e adultos até 60 anos dependentes químicos. Esse projeto existe, há mais de 35 anos, no Brasil e em vários países da América Latina e do mundo. Aqui em Chapecó, está instalado na Linha Almeida, Distrito de Goio-Ên, com capacidade para acolher 13 pessoas. O programa terapêutico é: Trabalho, Convivência, Espiritualidade e outros ensinamentos necessários. O tempo de internamento é de 12 meses com visitas mensais de familiares ou responsáveis. Terminado esse tempo, o acolhido poderá voltar à vida familiar, social ou até se integrar à vida da Fazenda.

Aqui em Chapecó, participam do projeto uma diretoria local, nomeada pela Matriz da Fazenda da Esperança de Guaratinguetá (SP), sendo: o presidente padre José Avelino Zanella, vice-presidente Wilson Martinelli, tesoureiro Paulo Roberto Marzarotto e secretário Arildo Zanrosso. A Obra Social Nossa Senhora da Glória Fazenda da Esperança Santa Paulina, está integrada à Diocese de Chapecó, com aprovação do bispo Dom Odelir José Magri, dos padres, das lideranças e das comunidades.

LEGENDA FOTO – A coordenadora do Salão do Imóvel, Bernardete Carraro Finger, e o presidente do Secovi-Oeste/SC, Ademir Roque Sander, fazendo a entrega dos alimentos para representantes da Fazenda Esperança.

Assessoria de Imprensa R3