CHAPECÓ
Geral Câmara Municipal discute municipalização das escolas em audiência pública

Câmara Municipal discute municipalização das escolas em audiência pública

9797

A Municipalização das Escolas reuniu representantes de várias entidades públicas da área de educação, em audiência pública, nesta sexta-feira (05), no plenário da Câmara de Vereadores de Chapecó. O encontro foi coordenado pelo vereador César Valduga (PC do B). As escolas que estariam no estudo são a Marechal Bormann, Pedro Maciel, Geni Comel, Luíza Santin, Sonia Zani, Alécio Cella e Neiva Costela.

A coordenadora regional de Educação, Mareni da Silva e a representante do Executivo Municipal, Daniela Cunha, salientaram que existe uma vontade do Estado e dos Municípios de promover uma otimização tanto nas áreas pedagógicas e de estrutura. “Alunos da Geni Comel poderiam ser transferidos para a Lourdes Lago, que fica próximo. E que todos os servidores teriam seus direitos mantidos. Quem é professor da rede estadual continuaria dando aula para o Estado”, explicou Mareni.

Em recente manifestação, a Secretaria de Educação de Chapecó admitiu que o município poderia assumir turmas de primeiro ao quinto ano, que não mudariam de escola, e o Estado remanejaria para escolas próximas alunos do sexto ao nono ano.

Diretores de escolas estaduais de Chapecó e comunidade escolar também participaram da audiência pública. Alguns deles demonstraram preocupação com uma série de fatores em relação à possibilidade da municipalização. Principalmente sobre as questões pedagógicas, dos investimentos previstos e do remanejamento de alunos e professores.

Ao final do encontro, foi decidido que será criada uma comissão que terá a composição formada por entidades educacionais e as sete escolas estaduais em processo de municipalização. Além disso, a comissão de Educação do Legislativo e os demais vereadores receberão todos os estudos e os relatórios da Coordenadoria Regional de Educação que indicam a municipalização. 

Assessoria de Comunicação