Chapecoense perde para o Marcílio Dias

9529

A Chapecoense entrou em campo na tarde deste domingo (09), em Itajaí, para disputar contra o Marcílio Dias partida válida pela 5ª rodada do Campeonato Catarinense. No Estádio Dr. Hercílio Luz, as equipes enfrentaram, novamente, um jogo abaixo de chuva torrencial e, consequentemente, gramado pesado, o que dificultou a criação de jogadas no início do embate. No decorrer do primeiro tempo, a equipe alviverde tomou frente das ações da partida, mas, aos 43, viu o adversário abrir o placar. Com duas expulsões na etapa complementar – uma para cada lado – o jogo ficou mais aberto e a Chape esboçou a reação. Apesar da pressão, no entanto, a equipe não conseguiu converter as oportunidades e foi superada pelo placar de 1 a 0.

A partida:
Foto: Márcio Cunha/ACF
Foto: Márcio Cunha/ACF

O campo pesado dificultou o início de partida para as duas equipes, mas, com o avançar dos ponteiros, o time alviverde passou a administrar as ações do embate. Aos 16, Aylon tocou para Anderson Leite que, de fora da área, mandou rasteira e com perigo, obrigando grande defesa do goleiro Belliato. Na sequência, aos 24, foi a vez de Ari Moura arriscar, chutando forte à esquerda do gol adversário. Aos 27, em lance de bola parada, Alan Ruschel cobrou com categoria, a bola quicou no gramado e o arqueiro do Marcílio quase aceitou. Apesar das tentativas verde e brancas, no entanto, foi o time adversário quem abriu o placar, aproveitando uma das suas únicas oportunidades, aos 43, para marcar. Rodrigo Ferreira foi o nome do gol.

Na volta para a etapa complementar, o técnico Hemerson maria apostou na entrada de Paulinho Moccelin no lugar de Alan Santos. Logo aos sete, o camisa 94 balançou as redes, mas – em decisão contestável – a arbitragem anulou o gol. Na sequência, aos 13, o atleta acabou expulso. A desvantagem numérica durou pouco, já que, aos 16, Medina recebeu o segundo amarelo e o Marcílio também ficou com um a menos. Com dez pra cada lado, o jogo ficou mais aberto e a Chapecoense esboçou reação, criando boas oportunidades e pressionando o adversário em busca do empate. A equipe, no entanto, não conseguiu converter as chances em gol e o time da casa venceu pelo placar mínimo.

Próxima partida: 

Pela 6ª rodada do Campeonato Catarinense, a Chapecoense volta a campo no próximo sábado (15), às 17h, contra o Criciúma. A partida acontecerá na Arena Condá.

Por Alessandra Seidel