Coronel Freitas se prepara para receber o Projeto Rondon

8649

O município de Coronel Freitas/SC, está finalizando os preparativos para receber, pela primeira vez em sua história, estudantes do Projeto Rondon, que desde 1968 leva conhecimento e ações de cidadania para todas as regiões do Brasil. De 11 a 20 de julho, será a vez de municípios da Amosc receberem o projeto do Ministério da Defesa, que está sendo conduzido na região pela Universidade do Estado de Santa Catarina (Udesc).

O Projeto Rondon desenvolve ações que tragam benefícios permanentes para as comunidades, principalmente as relacionadas com a melhoria do bem estar social, além de consolidar no universitário brasileiro o sentido de responsabilidade social, coletiva, em prol da cidadania, do desenvolvimento e da defesa dos interesses nacionais, contribuindo na sua formação acadêmica e proporcionando-lhe o conhecimento da realidade brasileira.

Coronel Freitas irá abrigar uma equipe com 15 estudantes universitários do Rio Grande do Sul, São Paulo, Brasília e Roraima, denominados de rondonistas, acompanhados de um coordenador. Os rondonistas irão realizar 34 oficinas e outras atividades nas áreas de educação, cultura, saúde, meio ambiente, direitos humanos e sociais, agricultura e produção, dentre outras, em diferentes espaços da cidade e do interior. A Prefeitura chegou a criar uma campanha de boas-vindas aos rondonistas, com peças de comunicação que anunciam: “Coronel Freitas está de braços abertos para receber-lhes.”

            A abertura oficial desta edição do projeto ocorrerá no dia 11 de julho, em Pinhalzinho. Depois, cada grupo se deslocará para seus respectivos municípios. Em Coronel Freitas, os extensionistas serão recebidos por autoridades e representantes locais do Comitê Gestor da Operação Rondon, às 15h, na prefeitura. Serão apresentadas informações históricas, culturais, sociais e econômicas sobre o município, especialmente das comunidades onde ocorrerão as atividades, bem como o cronograma das oficinas que iniciam no dia 12 e as pessoas responsáveis por cada atividade. Na sequência, será realizado um breve passeio em alguns pontos da cidade e depois os rondonistas serão encaminhados para o alojamento, que ficará no Centro de Educação Infantil Clube do Bolinha. No local, haverá dormitório, alimentação e salas de trabalho.

            O pró-reitor de Extensão, Cultura e Comunidade da Udesc, Fábio Napoleão, enfatiza que “o objetivo da ação é contribuir com soluções sustentáveis para a inclusão social e a redução das desigualdades regionais, bem como com os estudantes universitários nos processos de desenvolvimento e fortalecimento de sua cidadania”.

              Para o prefeito de Coronel Freitas, Izeu Tozetto, é uma honra para o município integrar este projeto que ele considera relevante para o país: “O Projeto Rondon tem uma história e uma credibilidade já construídas, pela seriedade e o impacto que gera por onde passa. Estamos muito felizes por poder somar esforços, contribuir e também receber a contribuição dos rondonistas no contexto dos nossos bons projetos e também dos nossos desafios”, destaca o prefeito.

Assessoria de Imprensa