sábado, dezembro 2, 2023
InícioDestaquesFortes chuvas deixam ao menos 49 cidades em alerta em Santa Catarina

Fortes chuvas deixam ao menos 49 cidades em alerta em Santa Catarina

Os dias ensolarados e quentes deram espaço novamente à forte chuva em Santa Catarina neste mês. Desde o início da manhã desta quinta-feira (16), pelo menos 49 municípios registraram ocorrências pelo fenômeno que deve persistir até sábado (18), conforme a Defesa Civil.

A condição é favorecida pelo avanço de uma frente fria combinada ao calor e umidade vindos da região amazônica, fornecendo condições para formação de temporais acompanhados de vendavais e chuva intensa.

De acordo com o alerta emitido pela pasta, o risco é alto a muito alto para ocorrências como alagamentos, enxurradas, deslizamentos e inundações graduais, sobretudo entre o Vale do Itajaí e o Sul catarinense. Além disso, permanece risco alto para ocorrências associadas aos temporais com raios, vendavais e granizo, como destelhamentos, danos na rede elétrica, queda de galhos e de árvores.

Acumulado de chuvas supera média histórica na capital

Florianópolis sofreu danos causados pelas chuvas logo pela manhã – Foto: Reprodução/@Ricard0Pastrana

O volume de chuva previsto para a Capital até sábado varia entre 100 mm a 150 mm, com um pico de intensidade entre a manhã e a tarde de hoje, persistindo durante o sábado. O acumulado deste mês chega a 169,2 mm e já supera a média histórica de 129 mm dos últimos 30 anos.

Até hoje, não houve registros de desalojados ou desabrigados. Diversos bairros da Capital passaram por alagamentos, com foco para o Campeche e Rio Tavares, no Sul da Ilha. Maquinários como hidrojatos, caminhões e escavadeiras circulam pelas ruas com problemas de alagamento. “Com esses eventos sendo cada vez mais comuns nos últimos meses, nossas equipes têm se preparado para que os efeitos não afetem tanto a população”, destaca o secretário de Segurança e Ordem Pública de Florianópolis, Araújo Gomes.

Na Barra da Lagoa, a EBM Acácio Garibaldi São Thiago inundou e teve problemas elétricos. A comunidade relata chamados de manutenção desde o ano passado. De acordo com a prefeitura, uma equipe de manutenção foi até o local para fazer os serviços, principalmente na parte elétrica.

Em São José e Biguaçu, as ruas do Kobrasol e Campinas tiveram alagamentos. Os principais acessos de quem saía em direção à Via Expressa, por exemplo, teve o trânsito completamente comprometido. A Defesa Civil de São José atendeu a dez ocorrências.

Queda de barreira interdita a BR-470

Queda de barreira interdita trecho da BR-470 em Ibirama – Foto: Reprodução

 

Em Ibirama, no Alto Vale do Itajaí, uma queda de barreira interditou o km 111 da BR-470 durante a tarde. Ninguém foi atingido ou ficou ferido pela ocorrência. Até esta noite, o local estava totalmente bloqueado para a passagem de veículos, conforme a PRF. A equipe do DNIT (Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes) fez limpeza e melhoria emergencial na rodovia.

Comportas fechadas em Taió e Ituporanga

Todas as comportas da barragem Oeste de Taió e quatro das cinco comportas da barragem Sul de Ituporanga, ambas no Alto Vale do Itajaí, foram fechadas. A decisão foi tomada pela Defesa Civil. Segundo nota emitida pelo órgão, o fechamento é necessário para diminuir a vazão dos rios em um novo período de forte chuva.
Tornado com ventos de mais de 100 km/h no oeste

No início da madrugada, o Radar Meteorológico de Chapecó, da Defesa Civil, registrou a formação de um tornado entre os municípios de Seara e Itá, no Oeste. Estimativas dão conta que a velocidades do vento superou os 100 km/h, deixando árvores torcidas e arrancadas na região. 

Tornado atingiu cidades do Oeste de SC – Foto: Reprodução
Foto: Guilherme Borin
Fonte: ND+
- Publicidade -spot_img

Últimas Notícias