CHAPECÓ
Início Destaques Idosa de 93 anos é velada viva por oito horas

Idosa de 93 anos é velada viva por oito horas

10412
Carolina Lopes de Almeida, de 93 anos, estava sendo velada na última sexta, 8, em Guiratinga (MT), quando familiares desconfiaram da morte da idosa ao notar que seu corpo permanecia quente. Para sanar a dúvida, os parentes decidiram chamar um médico, que constatou que, de fato, a mulher continuava com sinais vitais.
Nó início, a família e os amigos de Caluzinha, como era carinhosamente chamada, pensaram que seu corpo permanecia quente devido ao calor que fazia na cidade. Após o médico ser acionado e confirmar que ela estava com sinais vitais, a idosa foi logo encaminhada ao Hospital Oswaldo Cruz. Instantes depois da chegada à unidade hospitalar, Caluzinha voltou a ser diagnosticada como morta.
No dia seguinte, ela foi de novo velada pelos entes queridos e, posteriormente, sepultada. Abalados, os familiares preferem não dar mais detalhes sobre o ocorrido e tampouco disseram qual foi a causa da morte.
O hospital que deu a notícia do óbito pela primeira vez decidiu não ser pronunciar sobre o caso.
As informações são do portal G1.