CHAPECÓ
Geral Lenda do handebol mundial conversa e se exercita com jovens acolhidos no...

Lenda do handebol mundial conversa e se exercita com jovens acolhidos no oeste de SC

9422

Crianças e adolescentes dos serviços de acolhimento de Lindóia do Sul e Itá participaram de um momento para ficar na memória e no coração. No último dia 30, eles tiveram uma manhã de atividades físicas e conversa com a ex-goleira da seleção brasileira de handebol Chana Masson. A Oficina de Esportes faz parte do projeto “Vida Saudável”, do programa Novos Caminhos, e aconteceu na Escola S, em Concórdia.

A atleta, que participou voluntariamente, realizou atividades de alongamento e aquecimento preparatórias para uma goleira de handebol. Depois contou sobre sua trajetória exitosa no esporte e conversou com cada um dos acolhidos. “A mensagem que trago é sobre a importância da força de vontade e determinação para enfrentar os desafios da vida e conquistar os sonhos”, destacou Chana.

“Foi uma manhã inesquecível, pois além de treinar com a atleta as crianças e adolescentes puderam conhecer um pouquinho mais sobre o esporte e a profissional, contribuindo desta forma para o crescimento de cada um que participou dessa oficina”, avaliou a assessora de Responsabilidade Social da Fiesc e organizadora do encontro, Elaine Blodorn.

Crianças e adolescentes cujos processos de destituição familiar – para retirada da família – estão em trâmite permanecem acolhidos em casas lares até decisão judicial, sem limite de tempo.

Experiência no esporte e na vida

Chana Franciela Masson nasceu em Capinzal, no meio-oeste catarinense. Sua carreira no handebol se consolidou em clubes na Europa (Espanha, Dinamarca, Noruega e Alemanha). Foi goleira da seleção brasileira por 16 anos. Com a camisa verde e amarela, disputou seis edições de campeonato mundial, quatro jogos olímpicos (Sidney-2000, Atenas-2004, Pequim-2008 e Londres-2012), e conquistou três medalhas de ouro em jogos pan-americanos (Winnipeg-1999, Rio de Janeiro-2007 e Guadalajara-2011).

A atleta se mantém no esporte como goleira e treinadora na Dinamarca, onde vive com a filha de quatro anos de idade. No entanto, essa não é a primeira experiência materna. Chana teve um filho “adotivo” que morou com ela durante dois anos na Dinamarca. Ela o conheceu em Capinzal, num projeto social para crianças carentes. Na época, o menino tinha nove anos. Logo se apegaram e a goleira tentou adotá-lo, mas não foi possível naquele momento. Seis anos depois, a guarda da criança foi liberada. Ao completar 18 anos, ele decidiu voltar da Europa para casa.

Novos Caminhos

O programa Novos Caminhos é uma iniciativa da Coordenadoria Estadual da Infância e da Juventude (CEIJ), do Tribunal de Justiça de Santa Catarina, juntamente com a Associação dos Magistrados Catarinenses (AMC) e a Federação das Indústrias do Estado de Santa Catarina (Fiesc). Atualmente, também integram o programa a Ordem dos Advogados do Brasil de Santa Catarina (OAB-SC), o Ministério Público de Santa Catarina (MPSC), a Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo de Santa Catarina (Fecomércio), a Associação Catarinense de Medicina (ACM) e a Fundação de Estudos Superiores de Administração e Gerência (FESAG). Tem como finalidade desenvolver as potencialidades e contribuir para a construção da autonomia dos adolescentes com idade acima de 14 anos que se encontram ou passaram por medida protetiva de acolhimento, a fim de proporcionar-lhes a perspectiva de uma vida adulta com qualidade e dignidade.

Secured By miniOrange