Lideranças religiosas engajadas com o HRO em Chapecó

10071

Na manhã desta quarta-feira integrantes da diretoria executiva, conselho delegado de administração da Associação Hospitalar Lenoir Vargas Ferreira (ALVF), filantrópica que administra o Hospital Regional do Oeste (HRO, Hospital Nossa Senhora da Saúde (HNSS) em Coronel Freitas, e Hospital da Criança (HC) de Chapecó, juntamente com equipe técnico administrativa do HRO recepcionaram lideranças de diversas igrejas cristãs com atuação em Chapecó. A recepção foi na sala de reuniões da administração, onde foi servido café da manhã aos presentes.
O encontro promovido pelos gestores da ALVF teve como foco projetos sociais na atenção à saúde hospitalar, principalmente unindo forças em torno de causas que resultem na melhoria da estrutura aos serviços prestados. Durante o café com as lideranças religiosas foi efetuada apresentação da estrutura hospitalar, serviços, referência, especialidades, dados da produção de serviços, fluxo financeiro, fontes de financiamento e desafios.
De acordo com o presidente da diretoria executiva da ALVF, Rogério Getúlio Delatorre, são três os principais eixos: “ampliação da estrutura física do pronto socorro do HRO; autossustentabilidade econômico financeira da unidade; e, apoio das igrejas no envolvimento da comunidade local e regional em torno das ações sociais em favor da saúde do semelhante”, aponta Delatorre. O membro do conselho delegado, João Staconski chamou atenção para o caso de alto índice de acidentes de trânsito envolvendo motociclistas. “É lamentável e preocupante o fato de inúmeras pessoas, com ênfase aos jovens, que ficam de uma ou outra forma dilacerados, quando não perdem a própria vida. Esse é um sofrimento que famílias deparam-se diariamente. Precisamos de vosso apoio para os cuidados com a própria saúde, com o próprio corpo, com o semelhante no combate à violência no trânsito”, pediu Staconski aos religiosos.
Foi apresentada iniciativa de implantar novo espaço na lateral Norte junto à radioterapia, o qual será destinado para acolhimento de pacientes e acompanhantes. Serão cerca de 300m2 de área a ser edificada. “Vejam, temos pacientes que saem de suas casas às cinco da manhã, vindo quer seja da fronteira com Argentina ou do município de Fraiburgo. Inúmeros pacientes são submetidos pela manhã às sessões de radioterapia, porém o transporte que os traz, também tem pacientes de outras especialidades que são atendidos somente à tarde pela cidade. Assim, há quem não tenha onde ficar durante esse tempo esperando pelo transporte de retorno ao seu município, inclusive sem fazer refeições. Por isso convidamos a comunidade a ser partícipe desse projeto”, enfatizou o presidente do conselho delegado de administração, Gelson Dalla Costa.
Entre as manifestações dos líderes presente, o Pastor Getúlio Gromoski, da Igreja do Evangelho Quadrangular mencionou que são 43 unidades da instituição no município de Chapecó que podem participar. “Já participamos de ações em favor do Hospital Regional do Oeste, por conta de doação de fraldas e outros materiais. Vemos total possibilidade de participarmos e contribuirmos com o que for possível”, disse o Pastor Getúlio. O Bispo da Diocese de Chapecó, Dom Odelir José Magri disse que a Igreja Católica tem entre seus compromissos, o Albergue João Pilz, mas que “a instituição está disposta em aderir e colaborar de alguma forma”, o que foi reforçado pela integrante da Pastoral da Saúde, Ivone Lorenzi que apontou a importância da participação do ecumenismo em favor de pacientes e familiares que recebem em ambiente hospitalar atenção espiritual na compreensão e aceitação de momentos difíceis da vida. A representante da Igreja Evangélica da Confissão Luterana do Brasil, Catia Patrícia Berner a iniciativa da diretoria do HRO em convidar as igrejas é louvável. “Projetos dessa natureza, desse olhar em favor do semelhante, desse acolhimento, vamos e podemos colaborar. Importamos-nos com a valorização da vida e com as pessoas”, confessou. O Pastor Luciano Deon, membro da Igreja Assembleia de Deus antecipou que a instituição religiosa está à disposição com suas 53 unidades e mais de 10 mil membros. “Antecipamos que podem contar com nossa ajuda, pois esse assunto vamos levar para nosso presidente e diretoria”, afirmou.
Das igrejas estiveram presente: Catia Patrícia Berner (IECLEB); Dom Odelir José Magri (Igreja Católica Apostólica Romana); Ivone Lorenzi (Pastoral da Saúde); Pastor Luciano Deon (A.D. Chapecó); Pastor Lorenilço Maia (A.D. Chapecó); Getúlio Gromoski (IEQ); Edmilson Ramos (IEQ).
Foi definido que haverá um grande encontro envolvendo todas as igrejas cristãs que atuam em Chapecó, cujo local e data será oportunamente agendado. O Pastor Getúlio assumiu compromisso de convidar as lideranças de todas as igrejas com objetivo de congregar as entidades religiosas em torno desta nobre causa que é a saúde, em favor do semelhante. O encontro encerrou com oração do Pastor Getúlio e um Pai Nosso liderado pelo Bispo Dom Odelir.

Assessoria de Imprensa AHLVF // HRO // HNSS // HC