Polícia confirma identidade de responsáveis por tiroteio em escola de Suzano (SP)

8907

A polícia confirmou a identificação dos jovens que mataram oito pessoas, incluindo cinco alunos, em uma escola de Suzano, na Região Metropolitana de São Paulo: Guilherme Taucci Monteiro, de 17 anos, e Luiz Henrique de Castro, de 25 anos. Ambos cometeram suicídio logo após o massacre. A informação foi divulgada pelo portal de notícias G1.

Em coletiva de imprensa durante a tarde desta quarta-feira (13), a Secretaria de Segurança Pública de São Paulo afirmou que os dois eram ex-alunos da unidade escolar que fica na área central de Suzano.

Segundo a Polícia Militar paulista, quatro estudantes e dois funcionários — entre eles um funcionário da escola — foram mortos no local e outros dois alunos morreram após serem levados a hospitais da região.

Há ainda ao menos outras 15 pessoas feridas, duas em estado grave, de acordo com o Corpo de Bombeiros. Entre elas está um proprietário de um lava-jato em frente à escola.

Dupla usou revólver e arma medieval

A PM de São Paulo informou que os dois adolescentes autores dos tiros na Escola Estadual Raul Brasil usaram um revólver calibre 38 e uma arma medieval semelhante a um arco e flecha, conforme publicou a Agência Brasil.

De acordo com uma fonte ouvida pelo canal Globonews, um jovem chegou a ser ferido com um pequeno machado. Ele teria chegado no hospital com a arma ainda presa ao tórax.

Segundo os policiais, os atiradores atacaram, inicialmente, um lava-jato que estava ao lado do colégio e depois entraram na escola atirando na coordenadora pedagógica, num funcionário e nos estudantes.

Massacre em Suzano
(Foto: AFP)

Um dos dois assassinos que promoveram massacre da Escola Estadual Raul Brasil, em Suzano (SP), que deixou dez pessoas mortas nesta quarta-feira (13), publicou no Facebook, minutos antes do ataque, fotos com uma máscara de caveira e com uma arma.

Em post feito às 9h34, Guilherme Taucci de Monteiro, de 17 anos, postou cerca de 20 fotos na rede social em que aparece fazendo gestos obscenos, segurando um revólver e usando no rosto um lenço com um desenho de caveira — item semelhante foi encontrado no local do crime.

Foto que Guilherme postou minutos antes de cometer o massacre em Suzano. — Foto: Reprodução/Facebook

Foto que Guilherme postou minutos antes de cometer o massacre em Suzano. — Foto: Reprodução/Facebook

Foto que Guilherme postou minutos antes de cometer o massacre na Escola Estadual Raul Brasil. — Foto: Reprodução/Facebook

Foto que Guilherme postou minutos antes de cometer o massacre na Escola Estadual Raul Brasil. — Foto: Reprodução/Facebook

Fotos do Facebook de um dos assassinos da escola de Suzano — Foto: Reprodução/Facebook

Fotos do Facebook de um dos assassinos da escola de Suzano — Foto: Reprodução/Facebook

Guilherme e Henrique Castro, de 25 anos, mataram oito pessoas e em seguida cometeram suicídio. Eles eram ex-alunos da escola estadual Raul Brasil, segundo informou o secretário de Segurança Pública de São Paulo, João Camilo Pires de Campos. Outras oito pessoas ficaram feridas.

Identidade dos assassinos é revelada: Guilherme Taucci Monteiro e Luiz Henrique de Castro

Identidade dos assassinos é revelada: Guilherme Taucci Monteiro e Luiz Henrique de Castro

Guilherme Taucci Monteiro, de 17 anos, é um dos assassinos em ataque em escola de Suzano — Foto: Divulgação

Guilherme Taucci Monteiro, de 17 anos, é um dos assassinos em ataque em escola de Suzano — Foto: Divulgação

Guilherme Taucci Monteiro, um dos autores do massacre de Suzano — Foto: Reprodução

Guilherme Taucci Monteiro, um dos autores do massacre de Suzano — Foto: Reprodução

Luiz Henrique de Castro, de 25 anos, um dos autores do massacre de Suzano — Foto: Arquivo pessoal

Luiz Henrique de Castro, de 25 anos, um dos autores do massacre de Suzano — Foto: Arquivo pessoal

Fonte: G1 e NSC