Policial mata filho e em seguida tira a própria vida

138

Uma investigadora da Polícia Civil de Apucarana/PR matou seu filho de quatro anos e, em seguida tirou a própria vida em Cambé. De acordo com informações da Polícia Militar, a mulher deixou um suposto bilhete relatando problemas que estava enfrentando com o pai da criança.
Na ocasião, ela acusou o ex-marido de ter cometido violência sexual contra o filho, entretanto, a justiça havia autorizado o pai a visitar a criança. A mulher e o filho foram encontrados na noite de sexta-feira (6) por familiares em um condomínio fechado.
Ambos estavam desaparecidos desde quinta-feira (5). Os corpos foram encaminhados para o Instituto Médico Legal (IML) de Londrina. A Polícia Civil investigará o caso.

Fonte: Portal Bonde