Policial militar sofre graves queimaduras ao tentar impedir suicídio em Rio Negrinho

10032

Um policial militar ficou gravemente ferido, na tarde desta terça-feira, 10, ao tentar evitar um suicídio. O caso foi registrado em Rio Negrinho.

Os policiais foram acionados por populares, informando que havia um homem ameaçando atear fogo no próprio corpo e incendiar a residência de sua ex-companheira.

Ele tinha em mãos um galão de combustível, sendo que já havia jogado o líquido sobre seu corpo e ameaçava atear fogo. Quando ele se encharcou de novo, o policial militar tentou intervir, mas o homem conseguiu acender um isqueiro, dando início às chamas.

Tanto o policial quanto o homem ficaram gravemente feridos e tiveram que ser encaminhados para Joinville pelo helicóptero Águia da Polícia Militar para atendimento especializado.

O Comando e demais policiais militares da Polícia Militar em Rio Negrinho divulgaram nota lamentando o ocorrido, principalmente pelo fato do homem, que tentava suicídio, já ter sido preso diversas vezes pela Polícia Militar, por ocorrências de origens diversas como tráfico de drogas, lesão corporal grave, furto, posse de drogas, dano, violência doméstica, roubo e porte ilegal de arma de fogo, dentre outros crimes, que somam um total de 24 ocorrências e ainda estar em liberdade, colocando em risco a vida e a integridade física da população.

Fonte: Notícias Hoje