CHAPECÓ
Notícias Projeto Tramas aborda história indígena do Oeste catarinense

Projeto Tramas aborda história indígena do Oeste catarinense

56

Com o propósito de valorizar a memória, a história e os costumes de etnias indígenas da região Oeste de Santa Catarina, o Núcleo para Educação das Relações Afro-Brasileira e Indígena (NERABI) da UCEFF Chapecó criou o Projeto Tramas. Em sua primeira atividade, a iniciativa recebeu uma visita de kaingangs da Aldeia Condá, de Chapecó, para compartilhar e receber diferentes conhecimentos.

A Oficina de Cestaria Indígena reuniu acadêmicos dos cursos de Arquitetura e Urbanismo e Agronomia, no qual puderam explorar as técnicas e materiais utilizados na manufatura dos objetos tradicionais. Como contrapartida, a coordenadora de Arquitetura e integrante do Núcleo, professora Adriana Baldissera, conduziu uma conversa sobre design aplicado ao artesanato com a intenção de apresentar novas maneiras de incorporar técnicas e matérias-primas nos produtos indígenas.

Para o gerente em Assuntos Indígenas da Prefeitura de Chapecó, Júlio Cesar Inácio, o caráter contínuo do Tramas é o que o torna um projeto consistente. Diferentemente de outras iniciativas, focadas em ações específicas, a proposta do Núcleo é contribuir através de práticas regulares, seja com oficinas, encontros, palestras e intervenções.

Segundo a coordenadora do NERABI, professora Magdalena Lajus Travi, justamente com esse esforço, de criar um projeto “macro” e não pontual, que o Tramas tem sido planejado. “Nosso intuito é oportunizar trocas significativas tanto aos grupos indígenas quanto ao corpo acadêmico. A interculturalidade transita pelos saberes e pelos modos de fazer e o resultado dos encontros incorpora não somente bagagens a quem participa, como amplia nosso olhar sobre a riqueza das diferenças”, afirma Magdalena.

Secured By miniOrange