Protetores Ambientais de Chapecó, Marema e Cordilheira Alta realizam a primeira atividade de 2019

9456

Os 96 alunos que farão parte do programa Protetor Ambiental acompanharam na noite desta quinta-feira (28), a primeira aula do programa, realizado pelo Grupo de Educação Ambiental do 2° Batalhão de Polícia Militar Ambiental de Chapecó, realizada no Centro de Cultura e Eventos Plínio Arlindo De Nes.

A primeira aula foi ministrada pelos instrutores da Policia Ambiental, Cabo Luciano Bergonzi e Cabo Simão Innocente, que abordaram o tema “Atuação da Polícia Militar Ambiental – Fiscalização e Educação Ambiental”.

Os coordenadores buscaram trabalhar também o cognitivo de cada aluno com relação ao que se vai ainda aprender, o porquê de saber, fazer, mudar e desenvolver para melhorar o próprio viver, e assim agredir menos o meio em que vivemos. Para o aluno Davi Alexandre Menocin, de 13 anos o curso é uma oportunidade de conhecer e entender melhor o meio ambiente. “Minha família sempre viveu na roça e isso sempre me fez querer entender melhor sobre o meio ambiente. Gosto do assunto e estou ansioso para conhecer as áreas de preservação”, conta.

O curso tem caráter pedagógico e destina-se a informação e formação, em nível básico, de jovens na atividade de preservação e conservação do meio ambiente e integração social. A duração total é de 160h/a (aprox. 08 meses), com aulas uma vez por semana, com aulas teóricas e práticas. “Cada aluno vai receber aqui conhecimento e muita informação. Estamos em uma região que é muito importante o âmbito econômico para o estado e para o país, com uma cultura de agronegócio muito forte que move muitos outros setores da economia, e isso só é possível com a conscientização ambiental”, disse o comandante da Polícia Militar Ambiental, Tenente Coronel Adair Alexandre Pimentel.

De acordo com o Cabo Luciano, é preciso conhecer para desenvolver o sentimento de preservação, e é isso que será apresentado aos alunos durante o curso. “Queremos despertar em cada aluno este sentimento de cuidado e preservação do meio ambiente. Queremos que sejam parceiros da polícia e multiplicadores da consciência ambiental”, afirma.

A próxima aula em Chapecó ocorrerá na terça (4), no período da tarde, em Marema a aula será na quarta (12) e em Cordilheira Alta na terça (13), no período da manhã.

Na circunscrição da 2° Companhia do 2° Batalhão de Polícia Militar Ambiental, que compreende Chapecó e região, já foram formados 22 turmas, as quais serão somadas mais três até o final deste ano. Realizado desde 2007 na região Oeste, o programa já formou 524 adolescentes.

  Flavia Mota