CHAPECÓ
Início Geral PSB de Chapecó emite nota sobre ato previsto para o dia 19...

PSB de Chapecó emite nota sobre ato previsto para o dia 19 de Junho

8946

O PSB – Partido Socialista Brasileiro de Chapecó/SC, por meio de reunião colegiada da Diretoria Executiva se posiciona sobre o evento que transcorrerá no dia 19 de Junho de 2021 na cidade de Chapecó: ” “Apoia o Ato Fora Bolsonaro mas decidiu não participar de forma presencial, para evitar aglomerações nesse momento”.
CONFIRA NOTA:
NOTA OFICIAL DO PSB CHAPECÓ/SC REFERENTE AO ATO PRESENCIAL “FORA BOLSONARO”
O Partido Socialista Brasileiro de Chapecó na data de 13 de Junho através de reunião colegiada da Diretoria Executiva se posiciona sobre o evento que transcorrerá no dia 19 de Junho de 2021 na cidade de Chapecó: “Apoia o Ato Fora Bolsonaro mas decidiu não participar de forma presencial, para evitar aglomerações nesse momento”. O que faz pelas seguintes razões: I DO AUMENTO DE NÚMERO DOS CASOS E INTERNAÇÕES NAS UTIs O número de casos ativos e de ocupação no Hospital Regional do Oeste e no Hospital Unimed aumentou de forma considerável entre o primeira reunião “Fora Bolsonaro” que o PSB Chapecó participou (04 de Junho) e a presente data (13 de Junho), data em que o PSB Chapecó se reuniu para deliberar sobre a mudança no quadro epidemiológico da COVID-19 e suas repercussões acerca disso.
Observe os números oficiais da prefeitura de Chapecó1 , no dia 04/06/2021:
a) Número de casos ativos: 516; b) Óbitos: 622 casos;
c) Ocupação UTI HRO: 93%;
d) Ocupação UTI Hospital da Unimed de 80%.
Já no dia 11/06/2021, conforme o site da prefeitura de Chapecó, tem-se os seguintes números: a) Casos ativos: 549 (o que demonstra o aumento em poucos dias);
b) Ocupação nas UTI Hospital Regional do Oeste: 97% de ocupação;
c) Ocupação UTI Hospital da Unimed: 100% de ocupação.
Ainda, na data inicial (04/06/2021) não havia fila de espera por internações, quadro modificado nos últimos dias.
II DA VIGÊNCIA DO DECRETO DECRETO Nº 40.768, DE 02 DE JUNHO DE 2021 QUE VEDA A AGLOMERAÇÃO
A decisão tomada pelo PSB Chapecó também fundamenta-se no Decreto 40.768 de autoria do Executivo Municipal de Chapecó que veda “aglomeração de pessoas em qualquer ambiente, seja público ou privado, interno ou externo, para a realização de atividades de qualquer natureza”.
https://www.chapeco.sc.gov.br/documentos/54/documentoCategoria https://www.chapeco.sc.gov.br/documentos/67/documentoCategoria
Diante disso, conclui-se que, em que pese a tomada de decisão do partido, o PSB Chapecó manifesta sua posição de respeito aos partidos, movimentos e pessoas que participarão do movimento, tendo em vista o cenário político atual do País que já ceifou quase meio milhão vidas brasileiras em decorrência da falta de vacina e pelo comportamento do presidente em ações que potencializaram a infecção pelo Virus.
Ainda, o PSB Chapecó considera legítimo tal movimento, pois o Governo brasileiro, com suas ações, coloca em risco o direito a alimentação, moradia, vestuário e demais elementos mínimos para a garantia de uma vida digna.
Chapecó/SC, 15 de Junho de 2021.

Karine de Campos Presidenta PSB Chapecó