Quase dois meses após acidente em Pinhalzinho, mãe e filha serão sepultadas

9212

O secretário de Ação Social de Concórdia, Jaime Bernardi, confirmou que na próxima segunda-feira, dia 27, serão sepultados os corpos de mãe e filha, moradoras de Concórdia e que morreram em um acidente automobilístico na BR-282 em Pinhalzinho/SC. A tragédia ocorreu no começo de dezembro quando quatro pessoas que estavam em um VW/Golf, seguindo para Dionísio Cerqueira, tiveram morte instantânea.

Os corpos de uma mulher e do motorista já foram sepultados. Depois dos encaminhamentos burocráticos os corpos de mãe e filha serão liberados do Instituto Médico Legal (IML) de Chapecó para os atos fúnebres. De acordo com Jaime Bernardi, alguns encaminhamentos ainda estão sendo dados para viabilizar os custos do sepultamento. Entretanto, ele garante que na segunda irá ocorrer o sepultamento de mãe e filha que são de nacionalidade haitiana.

O único sobrevivente do acidente recebeu alta do Hospital São Francisco nessa semana. O jovem de 16 anos ficou gravemente ferido, passou por tratamento em Chapecó e nos últimos dias foi transferido para Concórdia. Agora, com apoio da Secretaria de Ação Social da Prefeitura de Concórdia, o adolescente está sendo assistido em casa. Ele foi o único sobrevivente da tragédia. A sua mãe e a irmã morreram ainda no local da colisão do carro que saiu da pista e atingiu algumas árvores.