SC tem 5,2 milhões de eleitores aptos a votar

8617
Santa Catarina tem 5,2 milhões de eleitores aptos a votar nas eleições de 2020. O número é 4,4% maior do que o registrado pela Justiça Eleitoral do Estado há quatro anos, nas votações municipais de 2016.

Os dados atualizados do eleitorado nos Estados foram divulgados esta semana pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Em SC, o balanço mostra 5.205.931 eleitores em dia com as obrigações eleitorais e em condições de exercer o voto. Quatro anos atrás, esse número era de 4.985.048.

A maioria do eleitorado de SC é feminino. São 2.687.486 mulheres, o que equivale a 51,6% do total de eleitores, contra 2.518.444 votantes do sexo masculino – correspondente a 48,4%. Para que essa representatividade feminina não fique restrita ao campo dos eleitores, ações adotadas nos últimos anos vão se repetir nas eleições 2020, como a exigência de pelo menos 30% de candidaturas femininas para todos os partidos e a fiscalização contra as chamadas “candidaturas laranja”, que buscam somente preencher esta cota, sem participação efetiva das concorrentes na campanha.

Um total de 263 pessoas vai usar o nome social no título de eleitor. A possibilidade passou a ser permitida pela Justiça Eleitoral desde 2018.

Quando analisado o estado civil dos eleitores, 50,4% dos votantes de SC se disseram solteiros e outros 40,2%, casados.

Número de eleitores com deficiência cresceu 90% em SC

O número de eleitores com deficiência em Santa Catarina cresceu 90,9% desde a última eleição municipal. O Estado tem 25.668 eleitores que declararam algum tipo de deficiência e que estão aptos a votar. Na votação de quatro anos atrás, esse número era de 13.444. O dado considera a declaração do cidadão no momento em que se registra como eleitor.

As eleições de 2020 foram adiadas por causa da pandemia do novo coronavírus. O primeiro turno ocorre no dia 15 de novembro. O segundo turno, nas cidades com mais de 200 mil eleitores em que um candidato não obtiver maioria dos votos, será duas semanas depois, em 29 de novembro.

Os dados divulgados esta semana pelo TSE mostram ainda outras curiosidades como a existência de 1.158 idosos em Santa Catarina com mais de 100 anos e que estão em dia com as obrigações eleitorais e poderão ir às urnas. Outra peculiaridade é o caso de Iporã do Oeste, onde sexo feminino e masculino tem o mesmo número de eleitores: 3.565 cada um.

Fonte: DC