CHAPECÓ
Geral Vereador quer informações detalhadas sobre dívida do HRO

Vereador quer informações detalhadas sobre dívida do HRO

8400

A divergência de informações da direção do Hospital Regional do Oeste (HRO) e da Secretaria Estadual da Saúde, referente à dívida da instituição, despertou interesse nos vereadores de Chapecó. O parlamento chapecoense, aprovou requerimento de autoria do vereador Fernando Cordeiro (PSC), que solicita informações detalhadas da dívida.
O requerimento faz menção à visita da direção do HRO ao Poder Legislativo de Chapecó, que naquele momento, anunciou dívida total de cerca de R$ 27 milhões. Ainda de acordo com o documento, após esse anúncio, a Secretaria Estadual de Saúde emitiu informações que não haviam pendências financeiras do Estado de Santa Catarina, referentes a valores em atraso com o hospital.
Fernando Cordeiro quer esclarecer também, sobre o empréstimo realizado pela instituição no valor de R$ 6 milhões e se há possibilidade de contratar novas operações de crédito, informações sobre valores e quais garantias seriam empenhadas.
O vereador espera pelas informações para esclarecer o impasse criado entre HRO e Secretaria Estadual de Saúde. “A instituição revela dívida milionária e o gestor da saúde pública afirma que não há pendências financeiras. Isso precisa ser esclarecido”, explicou Cordeiro.
O requerimento tem prazo de 30 dias para ser respondido e foi encaminhado ao presidente da Associação Hospitalar Lenoir Vargas Ferreira, Reinaldo Fernandes Lopes.